E aí o PC deu problema (de novo).

Antes de começar, uma coisa: hoje o blog completa dois anos de existência!!! Obrigado a todos que me acompanham desde 2011, amo todos vocês, vocês são lindos, beijo me liga, etc.

Eu acho que atraio problemas para o meu computador. Quantas vezes já reclamei dele tanto aqui no blog quanto no Twitter? Aproximadamente 201130593 vezes.

A grande coisa que aconteceu desta vez foi relacionada à minha placa-mãe (ou placa mãe?). Vou explicar tudinho daquele meu jeito característico de sempre com aqueles exageros e coisas aleatórias que vocês tanto amam, então se acomoda, pega um balde de pipocas temperadas com manteiga e sazon (sim, é bom) e vamos lá.

Eu ganhei esse PC dos meus queridos pais há 3 anos e alguma coisa, de presente de aniversário. Na época, eu queria tanto, mas tanto o PC que no dia que o ganhei eu chorei no meio do supermercado. Sério. Na época, eu não tinha um PC só pra mim, então mexia num notebook que dividíamos aqui com a família (RIP notebook), o que me impedia de instalar programas e joguinhos e tudo o que queria (na verdade, tudo o que eu mais queria era instalar o The Sims 3, mas o notebook não o rodava e papai não deixava eu instalar o bendito jogo no PCzão dele). Aí mamai e papai fizeram uma linda surpresa pra mim bem próximo ao meu aniversário (que é dia 9 de junho, diga-se de passagem; anote na sua agenda e me mande presentes) me dando o computador lindo e sensual.

Na época, tudo o que importava pra mim era o processador, justamente pra rodar o The Sims. Só que é claro que mamai e papai não podiam pagar por um PC fantástico que rodasse tudo; nem eu entendia direito dessas coisas na época. Então, eles me deram um singelo computador da Megaware (o da imagem abaixo), que tá aqui até hoje, firme e forte – ou nem tanto assim.

Eles me deram exatamente esse kit aí em cima, com o mesmo monitor, teclado e mouse.

Lembro que enlouqueci quando ganhei o “bicho”, chorei, dancei, beijei a CPU (mentira) e tudo mais. Passei horas e horas à frente do PC jogando The Sims 3, feliz da vida (eu tinha ganhado o jogo um ano antes e nunca tinha tido a oportunidade de jogá-lo realmente), até que em 2011 enjoei do The Sims e comecei a gostar de outros games em geral e todo aquele blá-blá-blá que quem acompanha o blog desde 2011 sabe de cor e salteado. Mas pera aí, lembrei de uma coisa agora: HOJE O BLOG COMPLETA DOIS ANOS, CARAMBA!!!!!! NEM LEMBRAVA!!! OMG OMG OMG! 

Continuando.

Quando eu comecei a me interessar mais por outros jogos e pela tecnologia em geral, notei em dez segundos que o meu PC não era bom o suficiente. Por não possuir uma placa de vídeo, eu não poderia jogar games mais recentes. O que fiz? Passei a vender tudo o que tinha algumas coisas pra angariar fundos para comprar a bendita placa de vídeo. E comprei, no finalzinho de 2011. Pros interessados, é uma AMD HD 6670 de 1GB que tá aqui, rodando todos os jogos de boa na lagoa até hoje.

Depois, arranjei mais um dinheirinho e comprei mais 2 GB de memória, ficando com um total de 4 GB. Você pode ver, agora, que o meu PC hoje tá bem diferente do que ele era quando veio de fábrica. Tá mais potente e roda todos os joguinhos que eu quiser. E então chegamos ao ponto que queria, depois de taaanta enrolação.

Eu não troquei o meu processador dual-core; ele é o mesmo desde 2010. Os mais entendidos do assunto saberão logo de cara que o meu processador não é bom o suficiente para os últimos jogos do mercado (nem mesmo pra próxima geração de jogos e consoles que tá logo ali), mas eu economizei o dinheiro de um processador (até agora) por motivos de 1) pra comprar um processador novo, eu terei que comprar uma placa-mãe mais potente e, por este motivo, uma fonte nova. É melhor comprar logo um PC logo e cabou-se 2) não sou rico. Mas aí veio a bomba ontem à noite.

Estava lá eu, feliz e sorridente, instalando o temeroso After Effects. Tenho meio que uma meta de aprender a mexer nesse programa, mas sempre desisto. Ontem tinha colocado na cabeça que aprenderia a fazer efeitos legais em meus vídeos de uma vez por todas. Durante a instalação, tomei um susto. O instalador mostrou uma mensagenzinha de aviso dizendo algo como “RECOMENDAMOS AO MENOS 4 GB DE MEMÓRIA RAM PARA A EXECUÇÃO DESTE PROGRAMA”.

Quando li isso, franzi o cenho e inclinei a minha cabeça um pouco para a esquerda, encarando o monitor como um maníaco. “Como assim?”, pensei. “Eu tenho 4 GB de RAM. Eu até gastei 100 pila numa outra memória não tem mais de um ano!”. Achei que era um bug do instalador, então fui confirmar com o próprio Windows, nas propriedades do PC. Aí veio a segunda bomba:

Note a obra de arte que fiz para ilustrar a minha frustração. Copyright © 2013 Gabriel Silva.

Note a obra de arte que fiz para ilustrar a minha frustração. Copyright © 2013 Gabriel Silva.

Não satisfeito com as informações do sistema dado pelo Windows 8 (achei que era um bug também, nunca se sabe! Vai que tá acontecendo uma conspiração contra mim?), e fiz outros testes. Eis o teste por outro programa:

OIADFWIOJHPOWERHJNGPOJDQÇ´PKMDÇLMFLÇEMQÇOWJMNÇDMFÇSJAOPJXKCPOSDKA

Ainda não satisfeito com uma segunda confirmação, resolvi abrir o PC. Testei, testei e testei, e então veio o ultimato feito pelos meus conhecimentos apurados:

UM DOS SLOTS DE MEMÓRIA DA PLACA MÃE QUEIMOU E LEVOU JUNTO A MEMÓRIA QUE ESTAVA NELE. VOCÊ ESTÁ FERRADO, HAHA.

“NÃÃÃÃÃÃÃÃO”, pensei, mas não falei. O que fiz (e era a coisa mais inteligente a se fazer) foi gravar este Vine aqui (é o meu primeiro, aliás, é tão divertido gravar vídeozinhos de alguns poucos segundos):

E tem mais: eu não sei ao certo há quanto tempo estou trabalhando apenas com 2 GB de memória. Vai ver eu já tô usando o PC assim há mais de 3 meses. E só percebi por ironia do destino, aliás. Eu tinha até sentido uma diferença na performance, mas acabei me acostumando, então…

Resumindo: vou ter que comprar outra placa-mãe se não quero perder a outra memória e todo o resto. Porém, pra comprar uma placa-mãe, teria que comprar uma fonte (porque a minha não tá mais aguentando o tranco) e pra comprar isso tudo eu pegava um PC novo. Vi até um kit interessante na Internet, mas não tenho dinheiro no momento. Talvez, se vender um rim, meu PS2 velho de guerra e mais algumas coisas velhas daqui de casa, consigo 40% desse valor. Ou não. Sei lá, tô triste. 😦

Mas é a vida. ESSE É MEU MUNDO, ESSA É MINHA VIDA, ESSE É MEU CLUBE. 

Adeus e feliz aniversário, Apple Boyster.

Anúncios

6 comentários sobre “E aí o PC deu problema (de novo).

Gostou do que leu? Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s