10 coisas que eu simplesmente ODEIO na Internet

Depois de mais de uma semana sem nada novo aqui no blog, cá estou de volta.

Se me segue no Twitter (deixa de preguiça, clica ali no botão “Follow” à sua direita!), deve saber que o primeiro post do blog foi algo como um post “piloto”, com o intuito de saber se a minha forma de escrita agradaria os queridos leitores. Bem, se estou aqui de novo, agradou. Já que estou falando disso mesmo, deixo meus sinceros agradecimentos a todos que clicaram no link que tão repetidamente apareceu no meu profile durante a última semana. 🙂

Mas agora vamos ao que interessa: o grande, maravilhoso e espetacular Top 10 coisas que eu odeio na grande Internet. Não foi tão difícil pontuar essas dez coisas, já que hoje em dia a Internet se encontra em um estado de decadência total. So, let’s go.

10. Erros de escrita

Eu realmente odeio erros de ortografia. Sei que todos podem errar nisso, mas toda vez que vejo erros tão grandes e perceptíveis, na hora me dá um embrulho no estômago. E não estou exagerando. Não tenho preconceitos, mas desde que a Internet chegou aos lugares mais longínquos da Terra e que cada vez mais pessoas com pouco conhecimento na área da escrita começaram a postar na rede, não é muito raro ver coisas assim:

Erro de escrita
Acho que foi forçado, mas tudo bem.

A imagem acima mostra com o que o autor deste blog já se deparou no grande site de perguntas e respostas Yahoo! Respostas, em meados do ano passado. Essa criatura cuja identidade não fora revelada, por motivos óbvios, não deve nunca ter ido a alguma escola durante toda a sua vida, e é muito provável que ela nem saiba como ligar um computador. Se bem que os erros parecem meio forçados, mas não pude deixar de dar uma print na pergunta do indivíduo e na minha resposta, logo abaixo (notem como eu escrevia diferentemente há um ano, exagerando nos pontos de interrogação). Se os erros são ou não verdadeiros, até hoje não sei.

9. Abreviações exageradas

Como falei sobre os tão comuns erros de escrita, é claro que não podia deixar de mencionar aqui as horrendas abreviações que as pessoas têm usado ultimamente na Web. Não sei o que se passa na cabeça dessas pessoas pra ter tanta preguiça de digitar uma palavra sequer no teclado, parece até que essas pessoas têm medo de estragar o teclado digitando as palavras em sua forma “completa”.

Vou logo avisando que não sou contra a abreviações mais simples e normais na Internet, como um singelo “vc” ou um eventual “mto”, mas tem algumas por aí que me dão nos nervos por serem tão sem noção.

Por exemplo, existe gente que ao invés de falar escrever no MSN, GTalk ou outro mensageiro instantâneo um comum “Oi, tudo bem?” ou até mesmo um simplificado “Oi, td bem?”, escreve o que é para mim a pior abreviação existente no mundo online: 8do bm.

.

.

.

.

O QUE LEVA UMA CRIATURA A USAR UMA ABREVIAÇÃO DESSAS? OU MELHOR, QUEM FOI CAPAZ DE CRIAR UMA ABREVIAÇÃO TÃO ABSURDA ASSIM? Só um parêntese: se a pessoa que criou essa abreviação está lendo o meu blog, saiba que eu te amo e você tá aqui no meu S2. 😛 Bem, como falei ali em cima, realmente eu não sei o que se passa na cabeça de uma pessoa que usa uma abreviação desse tipo e não quero tão cedo saber. Vai que… sei lá! Vamos para o próximo item.

8. Correntes

Acho que a maioria dos visitantes do blog compartilham esse ódio por correntes via email comigo. Na verdade, “correntes via email” nem é mais um termo apropriado; hoje essas coisas ridículas se propagaram para o Twitter, Facebook e até para comentários em grandes portais por aí.

E o enredo dessas correntes é sempre o mesmo: ou são supostas pessoas com alguma doença maligna pedindo dinheiro, ou são histórias de pessoas que morreram e voltaram à vida para assombrar todos e blá-blá-blá. O incrível é que sempre no final dessas mensagens eles escrevem algo como “se não passar essa mensagem para X amigos, estará deixando de abençoar alguém” ou, em casos mais raros, porém não menos ridículos, falam que “se não passar essa mensagem para X amigos, o espírito da pessoa tal vai aparecer para você e te assombrar para o resto da vida“.

Há também as correntes que dizem fazer coisas milagrosas, como alguém que você está apaixonado te ligar magicamente em 15 minutos se declarando ou o maior desejo de sua vida aparecer em sua caixa de correio nas próximas 24 horas.

Não acredito que você ainda lê essas coisas e, com medo – ou com a esperança de que algo milagroso devido àquela mensagem aconteça –, as repassa.

7. Formspring

Se alguém te pedisse para criar a pior rede social (rede social?) que o mundo já conheceu não responda Orkut, ele vai ser citado daqui a pouco…, o que você criaria? Não sei se o mesmo pensamento veio à sua mente, mas eu criaria o Formspring. Aliás, será que esse servicinho de perguntas e respostas pode ser considerado uma rede social? Provavelmente não. Mas o que importa é que eu não gosto dele, e é por isso que estou o mencionando aqui. 😛

Diferentemente das outras coisas citadas nesta postagem, não o odiava até ano passado; até tinha alguns colegas de classe lá, mas tudo mudou quando umas perguntinhas inconvenientes começaram a aparecer. Eram umas perguntas tão sem pé nem cabeça que nem me dei o trabalho de tirar uns prints do meu perfil (inativo desde setembro/2010). Para você ter uma noção do que eu encontrava lá, fiz uma rápida busca no Sr. Google e encontrei uma pergunta tão tosca que meus olhos até doeram quando li a “peça”. Se é que pode ser considerada uma pergunta, é claro. Mas tudo bem, deixo um print disso abaixo.

Legal, num serviço de PERGUNTAS fazem uma AFIRMAÇÃO.
Legal, num serviço de PERGUNTAS fazem uma AFIRMAÇÃO.

Será que só eu que não gosto do Formspring aqui?

6. Orkut

E chegamos agora na melhor parte do post. Sempre quis ter a oportunidade de mencionar negativamente o Orkut, e esse blog me proporcionou isso. Mas antes queria esclarecer uma coisa: eu não gosto do Orkut, o que não quer dizer que abomino todas as pessoas que têm o Orkut como rede social predileta, ok? Por isso nem venha deixar comentários me criticando por causa dessa parte do post, é a minha opinião.

O Orkut, aberto em meados de 2004, teve seu ápice entre os anos 2005 e 2007, mais ou menos. Durante essa época, tudo eram flores. Todas as pessoas que estavam em seu círculo social tinham uma conta lá, o que fazia com que cada perfil tivesse mais de 100 amigos cada (a não ser que você seja – era – um Forever Alone, mas tudo bem).

O interesse pela rede social da Google começou a diminuir com a chegada da rede social que inspirou os desenvolvedores da gigante da Web, o Facebook, ao Brasil. A maioria das pessoas decentes (se não todas elas) que integravam o Orkut começaram a olhar para a rede social de Mark Zuckerberg com boas expectativas, se “mudando” então para lá. E o que sobrou no Orkut? Os seres humanos que não têm nada melhor pra fazer e que postam fotos ridículas e sem noção e algumas poucas pessoas com um QI acima da média. Nota: Caros amigos e amigas meus que me conhecem pessoalmente e que leem meu blog, quero dizer que vocês se encaixam no segundo grupo de pessoas que sobraram no Orkut, caso ainda tenham algum perfil lá. Tradução: só sobraram as pessoas que ainda acham que tênis de mesa é sinuca (vide foto logo abaixo) e as que acham que a palavra “Deus” tem 5 letras (vide a foto mais abaixo do que a outra).

Achava que isso se chamava "tênis de mesa", ou "ping-pong", não SINUCA...
Achava que isso se chamava “tênis de mesa”, ou “ping-pong”, não SINUCA…
Cinco letras?
Hoje em dia, a maioria das pessoas que “habitam” o Orkut pertencem à mesma espécie.

É, o negócio tá feio.

5. Pessoas chatas no MSN

O Windows Messenger, MSN para os usuários mais íntimos, chegou para revolucionar o modo como nos comunicamos com os nossos amigos. Antes dele, era comum as pessoas se comunicarem por telefone ou por emails, fazendo com que as respostas chegassem em períodos mais longos. Não posso esquecer de mencionar também o ICQ, que acho que foi o primeiro mensageiro instantâneo que o mundo já conheceu.

Mas nem tudo é tão lindo e cor-de-rosa no MSN, não. Como todas as coisas, o mensageiro instantâneo também possui um lado obscuro, composto principalmente pelas pessoas inconvenientes (vulgo chatas) e pelos aproveitadores de menores.

Possuo em minha conta no MSN (que é óbvio que não vou falar qual é; não tô afim de adicionar vocês… :P) uma pessoa tão inconveniente que dá até dó de bloquear. Você deve estar pensando: “Ah, esse Gabriel fala mal das coisas e quando chega na hora de tomar uma atitude ‘cruel’ fica com peninha…”, mas é a pura verdade. Para você ter uma noção, esse cara já me esculachou num blog ridículo dele e depois ficou se humilhando para mim eu sei que sou daquelas pessoas em que você olha e dá vontade de doar tudo o que você tem, mas isso fica pra outra hora. E eu como tenho um coração bondoso, aceitei as desculpas. Podem me dar um prêmio pela minha bondade, eu estou aceitando! 😛 O negócio é que o cara me adiciona no MSN novamente e, como sou curioso, aceito o convite. E o que aconteceu? ENCHEÇÃO DE SACO TOTAL.

Meus amigos sabem que geralmente não me irrito muito, e que quase sempre sou muito paciente com as coisas. Mas essa criatura só vem falar comigo ou para pedir que eu o siga no Twitter ou pra ficar fofocando de outras pessoas também já conhecidas e devidamente bloqueadas anteriormente. Mesmo assim, não deixo a raiva me conduzir a falar alguma m**** e sempre dou uma desculpa bem elaborada e educada, para não ficar mal-visto na Internet e me tornar assunto de fofocas.

A parte pior é que ele não respeita de jeito nenhum o status do meu MSN. Hoje mesmo, por exemplo, ele me incomodou enquanto digitava esse enorme post, que aliás demorou três dias para ser escrito. O detalhe é que eu estava com o status ocupado. E o assunto? Mais fofocas. Eu mereço mesmo, viu?

Se vocês têm coração, torçam para que eu não o bloqueie.

4. Anúncios

Chegando quase ao “pódio” desse post, com mais de 1760 palavras escritas até aqui, vou falar agora sobre uma coisa que eu realmente abomino na Internet, que são os terríveis e capitalistas anúncios.

Posso me arrepender amargamente no futuro falando mal de anúncios, já que estou desenvolvendo um portal de notícias sobre a Apple (@iNewsWebsite) e é muito provável que eu ponha anúncios nele, mas acho que ninguém gosta de ver aqueles quadradinhos (ou retângulos) mostrando ofertas que não te interessam ou sites de namoro, ainda mais em sites/blogs/portais/whatever que tenham vários artigos, haja vista que os anúncios distraem a nossa atenção.

Mas pior do que anúncios “normais” e que ficam quietinhos lá no seu lugar, só mesmo os pop-ups. Eles são, basicamente, anúncios que “pulam” na página e que quase sempre nos impedem de ler o conteúdo do site/blog/portal até clicarmos em um minúsculo “X” para fechar o troço. E qual a minha reação quando isso acontece? O vídeo abaixo retrata o que me dá vontade de fazer quando esses anúncios idiotas me aparecem:

Resumindo: anúncios só são bons pra quem está recebendo para os colocar em seu site, blog ou portal. Para nós usuários, é uma verdadeira pedra no sapato.

3. Spams

Finalmente chegamos ao “pódio” das 10 coisas que eu mais odeio na grande Internet, e posso adiantar que agora a coisa vai ficar feia.

E quem ficou como terceira coisa que mais odeio na Internet? Os Spams. Pra quem não sabe, originalmente se associava a palavra “Spam” a um alimento de origem americana de mesmo nome, que por sua vez é uma abreviação da expressão “Spiced Ham”, algo como “presunto condimentado”.

Olha o Spam aí.
Olha o Spam aí.

A expressão se tornou sinônimo de coisas indesejadas devido à um episódio do grupo de comediantes americano Monty Python, em que os personagens iam a um restaurante onde só se vendia esses presuntinhos enlatados da imagem acima. Um dos personagens não queria comer o tal do Spam, porém as pessoas o forçavam a querer os Spams. O vídeo abaixo mostra o que estou falando:

Agora que já mostrei pra vocês o porquê do Spam se chamar Spam, vamos voltar ao assunto: Quem não odeia essas mensagens tão inúteis e indesejáveis que tanto enchem nossa caixa de entrada?

Não sei se o mesmo já ocorreu com vocês leitores, mas eu já recebi vários Spams falando sobre uma herança de um príncipe nigeriano e várias outras sobre dietas milagrosas e aumento de certas-coisas-que-não-posso-mencionar-aqui. E o pior é que ultimamente, além de eu receber diariamente mensagens desse tipo em minha caixa de entrada, agora comecei a receber em forma de replys em meu Twitter.

Quase sempre esses Spams disfarçados de replys no meu Twitter vêm de perfis falsos que mostram garotas bem, hum, digamos… bonitas com links que eu nunca vou clicar. É assim: um reply com um link que com certeza carrega um vírus bem devastador. Pelo menos é o que acho que é, nunca cliquei…

2. Sites de compartilhamento de arquivos

Você com certeza já baixou alguma coisa pelo Megaupload, Rapidshare ou 4shared. Nem que seja uma única música pirateada ou um arquivo .txt com serial numbers para seus programas crackeados. Deve saber também que esses sites geralmente impõem um tempo de espera para clicar em “Download” e um tempo de espera (também) entre um download e outro, pelo menos pra quem não quer pagar para ter uma conta premium. E também deve ter percebido que esses downloads quase nunca usam todo o potencial que a velocidade da sua conexão tem. Pois bem, eu já percebi tudo isso, e é por isso que odeio sites de compartilhamento de arquivos.

Sempre que vou fazer um download, procuro ver se está hospedado num servidor próprio do site/blog/portal ou pelo menos Megaupload, já que na minha opinião é o menos ruim de todos os sites do tipo que existem. O que mais me dá raiva nesses sites é que se você não criar uma conta premium e ficar pagando pra eles todo o mês, o seu download não vai aparecer em seu PC tão rápido como você imagina.

Minha internet é de 5 Mbps, então penso que a taxa de velocidade dos downloads tinha que ser pelo menos acima de 500 Kb/s, o que não acontece nesses sites. Aqui em casa, para baixar um arquivo de qualquer site de compartilhamento de arquivos, mesmo usando um acelerador de downloads, o download não passa de 350 Kb/s.

E o pior é que existem sites que não disponibilizam um suporte à aceleradores de download, fazendo com que o arquivo seja baixado (mais lentamente) pelo navegador que estiver utilizando, que é geralmente o Google Chrome.

Tenho raiva desses sites.

1. Vídeos toscos no YouTube

E chegando agora ao primeiríssimo lugar do Top 10 coisas que odeio na Internet, trago a vocês o meu maior desgosto pela Internet: os vídeos toscos e sem nexo do YouTube.

Assim como quem tem Orkut, não sou contra a quem faz esses vídeos e os posta no grande portal de vídeos da Google. Mas um vídeo que vi na semana passada me deu tanto nos nervos que eu não sabia se ria ou se chorava de raiva. Até o postei nas minhas redes sociais (isso inclui o Twitter e o Google+). Veja se for forte o suficiente:

Pensa que acabou? Não! Tem outro vídeo que também odiei, este aqui ó:

Não vou falar mais nada, assista-os e tire suas próprias conclusões.

Anúncios

18 comentários sobre “10 coisas que eu simplesmente ODEIO na Internet

  1. Eu particularmente odeio comentários idiotas da Internet. Ou seja, a maioria. Pois as pessoas acham que sabem de tudo! Como são tolinhas. Numa reportagem sobre o TRI (Teoria de Resposta ao Item) do ENEM, do site g1, disseram que o exame servia só para beneficiar os ricos, e que o critério de pontuação serve para outra coisa (como uma forma de descarregar a frustração por ter alcançado um baixo desempenho no exame.). O ENEM pode não ser a única forma de avaliar um aluno, mas é a mais eficiente, levando-se em conta a quantidade questões e de pessoas que o fazem. Abração!

  2. Dez coisas da internet que eu odeio seriam estas:

    10 – Lentidão na hora de assistir um vídeo do Youtube.

    9 – E-mais não solicitados.

    8 – Anúncios que atrapalham o andamento de vídeos no YouTube.

    7 – Crackers (os hackers do mal)

    6 – Trolladores da web.

    5 – Crackers(os hackers do mal que cometem diversos crimes virtuais)

    4 – Jdownloader. Esse programa é pior que o Orbit ou o Free Download Manager para baixar arquivos, por isso baixei o Flash Get 3.

    3 – Vídeos ridículos do YouTube. Odeio pessoas que postam vídeos estúpidos.

    2 – Pessoas idiotas ao extremo, que mais parecem ser seguidores dos illuminatis e que defendem o preconceito, bem como outras práticas anti-éticas,

    1 – Fanboys, GRRR!! Eu odeio esses idiotas que acha que aquilo que eles gostam(anime, console, smartphone etc.) é melhor e atacam os que discordam. Eles só vêem o lado deles e querem que todos sejam como eles. Já até me disseram que eu deveria comprar um PS3 ou um Xbox 360 em vez de um Wii, justamente por causa do poder dos gráficos. Eu não estou nem ligando para gráficos em alta definição, eu quero um console que me proporcione diversão em vez de gráficos perfeitos e o Wii é o tipo de console que pode me garantir isso.

  3. nem li tudo por que e tedianteeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee
    vetwfccccgxxxuxd gabrel silva pelo amor de deussssssssss cala essa boca q dise faz um viseo na ver dade eu odei que as coisa demoro na net cruses dfjgrvbbbbbbbrhjg gabriele cara de

  4. aiai, adorei esses novos post,
    voce escreve muito bem Mr.been
    shuasuahsuahsua, e apesar de eu ter uma conta no orkut, eu concordo com voce sobre o mesmo.
    espero novos post, :**

    • Olá, Alessandro! Obrigado por ter visitado o meu blog! Sua visita é muito importante!

      Sobre a parte dos anúncios, eu tenho certeza de o que você falou acontecerá, por isso mesmo disse que vou me arrepender amargamente daqui a algum tempo!

      Fique ligado para novos posts. 🙂

  5. nuss, Gabriel nem sei oq falar, meu Deus voc acabou com os apaixonados por orkut! nunca vir nada igual .. Parabéns pelas criticas :@
    e esse tal de facebook não é nada de bom; besteira, e bláblá
    me desculpe mas eu rir demais desse seu Blog
    bye bye BABYY kkk’

Gostou do que leu? Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s